A Vantagem De Ter Um Vice Com Desejo de Governar

19 Dec 2018 16:44
Tags

Back to list of posts

1470391571-157a46513227a0.jpg

<h1>Como Ser Um L&iacute;der De Sucesso?</h1>

<p>Bueno Paralelo 31 &eacute; o vinho do Galv&atilde;o, o locutor mais assistido e comentado da Televis&atilde;o brasileira e nesta ocasi&atilde;o do twitter. Ok, isso n&atilde;o &eacute; not&iacute;cia. Este Web site mesmo relatou o lan&ccedil;amento da vin&iacute;cola pela Expovinis em nota de 29 de abril nesse ano. A novidade &eacute; que as garrafas prontamente est&atilde;o &agrave; venda no blog da Miolo, parceira de Galv&atilde;o, e dispon&iacute;veis em restaurantes e lojas de vinho.</p>

<p>Quer dizer, agora os apreciadores s&atilde;o capazes de falar o vinho, e n&atilde;o o protagonista. S&atilde;o 14.000 garrafas comercializadas nesta temporada. A Bueno Bellavista Estate (legal, hein?) ainda &eacute; um projeto. O terreno, encontrado na Campanha Ga&uacute;cha, vizinha das parreiras de outro projeto da fam&iacute;lia Miolo, a Seival Estate (opa!), ainda est&aacute; na sua primeira inf&acirc;ncia. As parreiras t&ecirc;m teu tempo de matura&ccedil;&atilde;o.</p>
<ol>
<li>10- Gero Camilo (Na hora do almo&ccedil;o)</li>
<li>26: Quais v&iacute;deos voc&ecirc; poderia ver muitas vezes e continuar amando</li>
<li>Voc&ecirc; conhece o decote lace up</li>
<li>8&ordm; Passo: Fim</li>
<li>vinte e sete de novembro &eacute; no momento em que essa dela&ccedil;&atilde;o toma os ares de esc&acirc;ndalo, &eacute; de discernimento p&uacute;blico</li>
</ol>

<p>Demoram em torno de 5 anos pra come&ccedil;ar a dar frutos em condi&ccedil;&otilde;es de fermentar e virar vinho. Por&eacute;m Galv&atilde;o Bueno &eacute; acelerado. E os primeiros vinhos da tua empreitada s&atilde;o dos terrenos vizinhos do Seival, no caso do tinto, e do Vale dos Vinhedos, pela Serra Ga&uacute;cha, para o espumante Bueno Cuv&eacute;e Prestige. Nestas primeiras safras a assinatura no r&oacute;tulo &eacute; do Galv&atilde;o, por&eacute;m as uvas ainda s&atilde;o de terceiros.</p>

<p>Galv&atilde;o Bueno n&atilde;o se incomoda com o sucesso. Se alimenta dele e &eacute; feliz com isso, o que &eacute; &uacute;nico em um na&ccedil;&atilde;o em que o sucesso &eacute; fundamento de desgosto em p&uacute;blico e j&uacute;bilo no espec&iacute;fico. Discorre sobre teu vinho com paix&atilde;o. N&atilde;o comemora como um gol, mas narra como uma bacana partida, e deixa claro que entrou com o cora&ccedil;&atilde;o.</p>

<p>Os en&oacute;logos (Adriano Miolo e Michel Rolland) com a t&eacute;cnica e o entendimento. E, para aqueles que julgam o vinho fundado em considera&ccedil;&otilde;es preconcebidas, esse website podes decepcionar. Degustado nesta ocasi&atilde;o com mais vagar, em um restaurante, sem a pressa das feiras e alguns meses a mais na garrafa, o Paralelo 31 surpreendeu mais do que da primeira vez. O modelo da dupla Adriano/Rolland se confirma (enxergar nota anterior), e a alternativa por um assemblage n&atilde;o muito usual nesse lugar - mistura das uvas cabernet sauvignon (60%), merlot (30%) e petit verdot (30%) - ilustrou seu valor pela ta&ccedil;a. Classudo como um bom assemblage tem de ser, com um tostado bacana, frutas maduras e macio pela boca, &eacute; um agrad&aacute;vel representante da localidade.</p>

<p>N&atilde;o sobrou pela ta&ccedil;a, crit&eacute;rio n&uacute;mero um de aceita&ccedil;&atilde;o. Admito que os tintos da Miolo da localidade do Seival s&atilde;o os que mais me atraem, em especial o r&oacute;tulo Castas Portuguesas. O espumante &eacute; correto, passa dezoito meses em contato com as leveduras, conferindo mais consist&ecirc;ncia de boca e alguma eleg&acirc;ncia, mas n&atilde;o se distingue - &eacute; muito parelho com outra linha da Miolo.</p>

<p>Pela mesma faixa de pre&ccedil;o, atende uma vis&atilde;o mercadol&oacute;gica da Bueno Estate, o tal mercado externo. Celebridades n&atilde;o s&atilde;o novidade no universo do vinho, os exemplos s&atilde;o v&aacute;rios em volta do planeta dos ricos e populares. O veredito, como sempre, pertence ao cliente. &oacute;timo, mas a&iacute; chega a hora de pagar a conta. O Parelelo 31 deve comparecer entre oitenta a cem reais pro consumidor t&eacute;rmino nas lojas e pouco mais barato se encomendado direto na vin&iacute;cola em caixas de seis garrafas. &Eacute; a&iacute; que come&ccedil;am as comparac&otilde;es por similares importados do mesmo valor.</p>

<p>Este tipo de fregu&ecirc;s conhece a inconveni&ecirc;ncia de relatar um dificuldade a uma corpora&ccedil;&atilde;o por telefone no seu lugar de servi&ccedil;o, em pleno hor&aacute;rio comercial, diante de seus colegas ou superiores. Dessa maneira ele vai buscar maneiras mais discretas de cuidar da ocorr&ecirc;ncia, seja por meio de um chat (que &eacute; silencioso) ou por um canal de atendimento que esteja dispon&iacute;vel al&eacute;m do seu hor&aacute;rio de expediente.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License